Como ser escritor e lançar seus livros?

A primeira dica é escrever.
Mas escrever focando num público.
Para que faixa etária você escreve? Que tipo de pessoas leriam suas histórias? Qual é o objetivo do que você escreve(lazer, educação, informação, etc)
Daí você precisa ver dentro do estilo que você escolheu os formatos de livros que o mercado comercializa.
Por exemplo: livros infantis tem determinados formatos - tamanhos - de acordo com a faixa etária.
Depois que você escrever precisa mandar seus originais para as editoras que tenham a ver com seu trabalho. Não adianta mandar livros infantis para editoras especializadas em faculdade, por exemplo.
Use a internet para se divulgar. Monte um blog ou site, poste com frequência escritos seus, peça para outros blogs compartilharem, mande para outros publicarem.
Entre em contato com jornais e revistas da sua cidade-região e ofereça seu material.
Hoje existem as gráficas digitais que produzem livros em pequena quantidade e preços convidativos. Você as encontra na internet - assim como as editoras também.
Uma pequena tiragem de livros custeada por você (50 exemplares, por exemplo) pode começar a divulgar você.
Essa pequena tiragem não é para mandar para editoras - é para fazer um lançamento na cidade com amigos, colocar à venda na internet (dá pra montar uma loja virtual grátis - procure no amigo Google).
Enfim esse é o começo. O segredo é se focar e trabalhar direcionado - e muito.

Agora é trabalhar - porque um escritor escreve.
Estabeleça metas de trabalho - porque escritores profissionais as tem.
Aconselho também pesquisar na internet sobre técnicas para escrever roteiros de filmes.
A parte de personagens e tramas pode ser útil para o escritor. Isso ajuda quando você ficar sem inspiração.
Lembre-se que o trabalho do escritor é 90% transpiração - e só 10% inspiração.
Estabela metas e vá em frente. Lembre-se que nenhum escritor faz sucesso no primeiro livro.
Lembre-se que muitas das histórias de sucesso que você vai ler na internet são apenas ficção e escondem a verdade: muito trabalho.
Lembre-se ainda que mesmo escritores conhecidos não tem todos seus livros publicados. Pasme mas até eles tem livros rejeitados por editoras...
Saiba que no Brasil um escritor ganha de 8 a 10% do preço de capa como direitos autorais - que são acertados às vezes mensalmente, às vezes trimestralmente pela editora.
Escrever livros que possam ser adaptados para filmes então passa a ser interessante.
Tenha em mente que você vai ter que se divulgar muito.
Se você publicar uma pequena tiragem de seus livros coloque-os embaixo do braço e participe de feiras. Não - você não precisa alugar um stand.
Você pode ir com seus livros, fazer amizade com o dono de algum stand e repassar parte da venda dos livros para ele. Para o dono do stand é muito bom porque um autor ali falando do livro e autografando chama gente para o stand.
Feiras literárais, participar de associações literárias e grupos pela internet, divulgar seus escritos nas redes sociais - enfim há muitas possibilidades. Mas não saia atirando pra todo lado. Estabeleça um plano de ação -e faça e regaça esse plano quantas vezes precisar. Mas procure segui-lo.
O caminho mais longo começa com o primeiro passo. Então comece, não se deixe abater, escreva, confie no seu talento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários passam pela moderação antes de serem publicados.